Meu Perfil
BRASIL, Sul, FLORIANOPOLIS, CANASVIEIRAS, Homem, de 56 a 65 anos, Portuguese, Livros, Esportes
MSN -



Histórico


Votação
 Dê uma nota para meu blog


Outros sites
 UOL - O melhor conteúdo
 BOL - E-mail grátis


 
Blog do Lídio Leopoldo Pinheiro


IMPRENSA

Recentemente Alexandre Garcia, do Globo News, comentando as eleições para presidente dos EUA disse que toda a imprensa americana, trabalhou abertamente para eleger Hillary Clinton, mas o eleito foi Donald Trump. Acrescentou  que a imprensa, não só a americana, mais a mundial, inclusive a nossa, claro; precisa aprender que  ela não domina e não manda no povo.  Que esse negócio de dirigir as massas está ficando desacreditado.

É verdade, o povo não precisa da imprensa escrita e falada para se instruir, nesse quesito as redes sociais são muito mais eficientes. Ela está com as pessoas cotidianamente, em casa, no caminho para o trabalho, no próprio trabalho, na praia, nos clubes. São mais confiáveis  mais rápidas e permitem  até o diálogo instantâneo com quem emite opinião, coisa que a imprensa tradicional não permite o direito instantânea de resposta. Essa facilidade está deixando os fazedores de cabeças apavorados, não é por acaso que de vez enquanto surgem políticos com ameaças de censurar as redes sociais.

A mídia tradicional se não se modernizar e se conscientizar que ela já não pode mais manipular as massas, corre o risco de perder mercado, até o mercado publicitário que lhe alimenta. As pessoas estão deixando de assistir TV e ler jornais, revistas e blogs, que demonstram, sem nenhum pudor, ser imparciais, e suas tendências políticas e seus interesses particulares.



Escrito por Léo Pinheiro às 20h51
[] [envie esta mensagem] []




[ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]